© 2018  |  ÂNIMA CORRETORA DE BENEFÍCIOS

PROJETO SOCIAL CAÇADORES DO RISO

 

O Projeto Social Caçadores do Riso está disponível para todas as empresas que queiram implementar projetos sociais.

 

Nesse projeto a empresa consegue alinhar a oportunidade de humanizar as pessoas, bem como ajudar de forma consultiva a entidade em obter condições de sustentabilidade de forma estruturada e profissional.

 

O trabalho consiste na realização de uma assessoria e consultoria junto à entidade escolhida.

 

Podemos auxiliar na implantação de todo esse projeto, que consiste nas seguintes etapas:

 

  • Escolha da entidade indicada pelos colaboradores e avaliada por um comitê

  • Criação de um comitê formado pelos colaboradores para alinhamento do projeto e suas etapas

  • Com a escolha da entidade, é realizado a divulgação do projeto aos colaboradores via workshop, palestras e outros

  • Apresentamos as necessidades da entidade escalonada por áreas. Após essa divulgação, os colaboradores interessados podem realizar a inscrição de apoio nas áreas de interesse, por exemplo: administradores nas áreas de marketing, serviços e entre outras

  • A próxima etapa consiste no apoio desses colaboradores, sempre de forma consultiva, em propor suas ideias e sugestões de melhorias dentro do ambiente escolhido

  • O comitê recebe todas as ideias e/ou sugestões, devendo copilar e montar uma apresentação consultiva de todos os itens factíveis para possível implantação na entidade

  • Deverá ser realizado uma apresentação conclusiva do trabalho consultivo à entidade e apoio para implantação das ideias/sugestões

Podemos ajuda-los de forma assertiva e rápida da criação desse programa com auxílio  de um especialista da Ânima RH.

Através de uma breve reunião, coletamos os dados e iniciamos esse trabalho.

Entre em contato conosco para maiores informações:

 

Márcio Silveira

Email: marcio.silveira@rhanima.com.br

Tel.: (11) 2501-6361

Conseguimos condições de custo diferenciada para as empresas participantes do grupo. Gostaria de receber uma proposta?